Beneficente ou Beneficiente: qual o correto?

Algumas palavras da língua portuguesa podem nos levar a erro. Por exemplo, muitas pessoas não sabem se o termo correto é beneficente ou beneficiente exatamente porque fazem associação à palavra benefício.

Assim, podemos pensar: claro que palavra correta é beneficiente, pois combina com a palavra benefício.

Mas infelizmente este é mais um caso complicado do nosso idioma.

 

Grafia correta: beneficente

O modo correto de se escrever é beneficente, sem a vogal i entre a as letras C e E.

Para não errar mais a pronúncia e a grafia desse vocábulo, esqueça o substantivo benefício.

Você verá abaixo que estamos diante de um adjetivo. Para não cometermos erros, basta que nós associemos este adjetivo ao seu adjetivo correspondente. Continue lendo para saber mais.

 

Classificação gramatical

O vocábulo em análise é gramaticalmente classificado como adjetivo uniforme, que significa caridoso, benéfico, bondoso, que traz benefícios.

Adjetivos uniformes são aqueles usados para qualificar igualmente os substantivos masculino e feminino. Como exemplos, podemos citar: sorridente; carente; doente; frágil; leal; simples etc.

A partir de agora, para que você não erre mais, associe o adjetivo beneficente ao adjetivo benéfico. Nestes dois adjetivos, não existe aquela vogal i que pode nos confundir.

Desta maneira, fica mais fácil falar e escrever corretamente. Observe:

Benéfico  ➡ Beneficente

Frases com a palavra beneficente

Para consolidar os conhecimentos aprendidos neste post, observe a seguir alguns exemplos com a palavra em xeque:

  • Neste natal, a prefeitura ofertará um jantar beneficente.
  • A igreja promoveu um bazar beneficente para angariar recursos.
  • A festa beneficente ajudou os moradores em situação de rua.

 

Conclusão

Não cometa mais o corriqueiro erro que consiste em pronunciar a palavra beneficiente, pois ela não existe no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa. Por esta razão, o referido termo está definitivamente errado.

Sempre pronuncie beneficente (lembre-se do adjetivo benéfico), pois é a única forma aceita pela norma cullta.

Esperamos que você tenha gostado de mais essa dica de português. Fale e escreva melhor, pelo bem da nossa língua e pelo bem da comunicação humana!

Aprenda mais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × cinco =