Currículo ou Curriculum: qual o correto?

Se você é um profissional à procura de emprego, então você sabe que existe um documento capaz de reunir as suas principais qualificações. Mas talvez você ainda não saiba se o nome correto desse documento é currículo ou curriculum.

Se você ainda é um estudante e não trabalha, prepare-se desde já, pois um dia você vai precisar preencher esse documento.

Mas não se preocupe, pois neste artigo vamos explicar qual a forma correta de se escrever (currículo ou curriculum) e, de quebra, você vai aprender algumas dicas que irão te ajudar a formular um excelente currículo.

Aprenda também:

 

Currículo ou Curriculum? Qual o certo?

currículo-ou-curriculum-correto

Tanto a palavra currículo quanto a palavra curriculum estão corretas.

Mas a palavra curriculum está plenamente correta quando é acompanhada da palavra vitae.

Isto ocorre porque a expressão curriculum vitae é proveniente do latim (língua falada pelos romanos antigos).

Por sua vez, palavra currículo é a correspondente à expressão latina citada acima. Em outras palavras, currículo é a versão aportuguesada de curriculum. Ambas são aceitas.

Mas atenção: currículo é uma palavra proparoxítona e por isso contém acento agudo na vogal i. Se você quer aprender mais sobre acentuação gráfica, clique aqui. Por outro lado, curriculum não contém acento.

Também não podemos usar as duas formas (em latim e em português) ao mesmo tempo. Por exemplo: é errado escrever currículo vitae.

Significado: documento que reúne várias informações pessoais de um trabalhador, tais como a sua experiência profissional, formação acadêmica, habilidades e expectativas. 

Divisão silábica: cur-rí-cu-lo.

Frases com as palavras currículo e curriculum:

  • Maria entregou seu curriculum vitae na empresa.
  • A multinacional está recebendo currículos.
  • Hoje você aprenderá a preencher um currículo corretamente.

 

Dicas para um excelente currículo.

Se você não sabe como escrever um currículo que reúna todas as suas características de forma organizada e objetiva, então fique atento às dicas que vamos disponibilizar abaixo.

 

Resuma os seus dados pessoais.

A função primordial de um currículo é viabilizar uma entrevista de emprego.

Então, você não precisa exagerar na quantidade de informações pessoais.

Estas informações podem ser repassadas posteriormente, caso você seja selecionado para uma entrevista.

Os dados mais importantes no currículo são: nome completo, endereço com CEP, telefone e e-mail.

 

Esclareça seus objetivos.

Vá direto ao ponto! Esclareça o cargo ou a função para a qual você está se candidatando. Seja objetivo.

 

Formação acadêmica.

É muito importante que você escreva a sua formação acadêmica, indicando se possui nível fundamental, médio, superior ou uma pós-graduação.

Isso é fundamental para que seu perfil seja comparado ao perfil do cargo almejado.

 

Experiência profissional.

Esclareça se já possui experiência na função em que almeja trabalhar.

Geralmente as empresas priorizam quem já domina certas atividades laborais. Mas seja sucinto também nesta parte. Faça um resumo do seu histórico profissional.

 

Mencione cursos e habilidades específicas.

Se você detém conhecimentos em várias áreas, mencione no seu curriculum vitae apenas aquelas que têm relação com o cargo pretendido.

Por exemplo, se você está concorrendo a uma vaga de técnico em informática, de nada adiantará mencionar que possui curso de corte e costura. 

Mencione ainda cursos de idiomas que já tiver frequentado. Quem domina uma segunda língua está em vantagem!

 

Não diga qual a sua pretensão salarial.

O curriculum vitae é o primeiro passo rumo ao emprego desejado.

Não coloque “os carros na frente dos bois”.

Diga quanto pretende ganhar somente após a entrevista de emprego.

 

Não invente fatos.

Caso você não tenha experiência em determinada área, não diga que a tem. Em uma possível entrevista, você poderá ser testado sobre o domínio da experiência mencionada no curriculum vitae.

Se não dominar o conhecimento que supostamente detém, você poderá passar vergonha diante do entrevistador.

 

Formatação do curriculum vitae.

Digite seu currículo em um editor de texto como o word ou o writer. Use fonte times new roman ou arial, tamanho 12.

Evite o excesso de “negritos”, “sublinhados” e “itálicos”. Seja discreto.

A cor da fonte dever ser preta. Evite as cores chamativas: azul, vermelho, verde e amarelo.

Somente anexe fotos se a empresa requisitar. Geralmente, as características profissionais do candidato são analisadas antes da aparência.

 

Evite erros de português.

O domínio da norma culta da língua portuguesa é o seu cartão de visita. Tenha muito cuidado com erros gramaticais e de digitação na hora de redigir seu currículo. A primeira impressão é a que fica.

Após terminar de redigir seu currículo, revise-o.

Continue visitando o blog aprender português para aprender sempre mais.

 

Esperamos que, além de aprender que currículo ou curriculum estão corretos, você saiba a partir de agora preencher adequadamente o referido documento.

Não deixe de compartilhar estas dicas.

One thought on “Currículo ou Curriculum: qual o correto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 18 =