Mas e Mais: qual a diferença?

Usar corretamente as palavras mas e mais tem se tornado um verdadeiro transtorno para muitas pessoas. Essas palavras estão corretas, mas apresentam diferença quanto aos seus significados e às suas classes gramaticais.

Neste artigo, você vai aprender a classificação gramatical e a aplicação prática das palavras mas e mais. Além disso, verá que existe também a palavra más.

Através de exemplos (aplicação das palavras em frases) fica mais fácil a compreensão. Aprender português pode ser simples!

Aprenda também:

 

Mas e Mais → Mais.

Um dos erros mais cometidos na língua portuguesa é o uso incorreto da palavra mais.

As pessoas utilizam equivocadamente o mais quando querem demonstrar ideia de oposição.

Veja um exemplo de aplicação incorreta:

Maria está procurando um emprego, mais ainda não recebeu boas propostas.

Na maioria dos casos, a palavra mais é gramaticalmente classificada como advérbio de intensidade. É o contrário de menos.  

Frases com a palavra mais:

  • Joãozinho é o aluno mais esforçado da classe.
  • Para aprender português, Heitor precisa estudar com mais entusiasmo.
  • Quanto mais cabras, mais cabritos.

 

Mas e Mais → Mas.

A palavra mas é gramaticalmente classificada como conjunção adversativa (lembre-se da palavra adversário). Ela expressa ideia de oposição, contraste, contrariedade.

Como sinônimos de mas, podemos citar: porém, contudo, todavia, entretanto (essas também são conjunções adversativas).

Frases com a palavra mas:

  • Júlia estudou, mas não obteve êxito na prova.
  • Os repórteres fizeram muitas perguntas, mas nenhuma delas foi respondida.
  • Robson quer emagrecer, mas não faz exercícios físicos.

 

Más.

A palavra más (com acento) é gramaticalmente classificada como adjetivo (imprime qualidade ou estado a pessoas ou coisas).

Trata-se de um adjetivo feminino plural oposto de mau. Clique aqui e aprenda a diferença entre mal e mau.

Frases com a palavra más:

  • Dizem as más línguas que o Brasil não sairá da crise.
  • Minha mãe pediu para que eu evitasse más companhias.

 

Dica de memorização: mas e mais (e más).

Sempre que você tiver dúvida sobre a grafia adequada das palavras vistas neste artigo, procure substituí-las por sinônimos (palavras com mesmo significado) ou antônimos (palavras com significados opostos).

Se a substituição fizer sentido, a palavra estará correta.

Por exemplo:

 

Mais = Oposto de Menos.

Miguel é o atleta mais dedicado.

Neste caso, vamos fazer um teste com o sinônimo de mas (porém). Substituindo…

Miguel é o porém dedicado.

Nota-se claramente que a frase ficaria sem sentido.

Agora vamos substituir o mais por menos (oposto de mais)…

Miguel é o atleta menos dedicado.

Como a frase permanece com sentido após a substituição, podemos concluir que o correto nessa situação é a palavra mais.

Vejamos outro exemplo:

 

Mas = Sinônimo de Porém.

Jorge come muito, mas não engorda.

Vamos substituir mas por porém (sinônimo).

Jorge come muito, porém não engorda.

Veja que a frase continua com sentido. Portanto, o correto neste caso é a palavra mas.

Se substituíssemos mas pelo antônimo menos, ficaria assim:

Jorge come muito, menos não engorda.

Veja que a frase perde o sentido neste caso. Por isso, o uso da palavra mais estaria incorreto.

 

Más = oposto de boas.

Em relação à palavra más, procure substituí-la por boas. Se após a mudança a frase continuar com sentido, então a palavra más está empregada corretamente.

Veja um exemplo…

Henrique tem más intenções. 

Substituindo más pelo seu (oposto) antônimo = boas…

Henrique tem boas intenções.

Podemos perceber que a frase continua fazendo sentido. Portanto, más é a palavra correta neste caso.

diferença-mas-mais

Você quer saber como melhorar a sua memória, então clique aqui.

Aprenda também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − onze =